domingo, 15 de julho de 2012

Champagne Lamblot Brut Rosé

Salut, mes amis!



E nada melhor para brindar do que um ótimo champagne, não é mesmo?
Desta vez brindamos o aniversário da patroa, fomos almoçar com a família em um restaurante bem gostoso aqui de Santo André, o Fonte Leone - que tem um buffet super-bem servido aos finais de semana - e eles nos agraciaram com a rolha por se tratar de uma ocasião especial. Levamos então 2 garrafas deste belíssimo champagne, já prevendo que a escolha era auspiciosa...
Deixamos o brinde para depois do almoço, afinal eu achava mesmo que este champagne acompanharia muito bem o buffet de sobremesas, composto por manjar branco, panna cotta com calda de frutas vermelhas, merengue com morangos e frutas frescas. Acertei em cheio.
Para começar, este champagne é lindo. Convenhamos, nos espumantes o aspecto visual é fundamental - pelo menos eu acho isso. Um lindo robe rosé brilhante com reflexos alaranjados - saumon, diriam alguns. Uma mousse abundante, cremosa e persistente formada pela efervescência que continua a subir pela cheminée das finíssimas bolhas que dançam desde o fundo da taça... um bom vinho é mesmo uma poesia!!!
No nariz, morangos e muita delicadeza daqueles aromas de fermentação que só os bons espumantes demonstram com fineza. Na boca é muito redondo, embora demonstre mais corpo do que eu supunha, talvez pelo fato de ter em seu assemblage a adição de pinot meunier vinificada em tinto com mais pinot meunier e pinot noir vinificadas em blanc de noirs; o final é muito longo.
Minha segunda tentativa com os vinhos desta importadora,
Mais uma vez, obrigado ao pessoal da Hedoniste que garimpou essas pérolas na Champagne - para a nossa alegria. Vos desejo sucesso para que continuem trazendo coisas boas para a gente...
Santé! À bientôt!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Já que você suportou ler até aqui, por favor deixe sua impressão, comentário, sugestão, palpite, imprecação...